LEIAM AS LETRAS BRANCAS E VERMELHAS JUNTAS ,DEPOIS SÓ AS VERMELHAS


READ WHITE AND RED LETTERS TOGETHER , THEN ONLY THE RED

Seguidores

New Translator....

segunda-feira, 7 de fevereiro de 2011

Melada

Melada

Ela é sacana usa vestido preto
Mas curto sabe que meu olhar
Vai lá e vê que tem uma certa
E linda transparência, molhada
Pois ao andar vem me dizer
Que usa do jeito que gosto
Pois ali eu posso, passar a mão
E sentir a buceta melada
Doce sabor de uma safada
Mas o exibicionismo é latente
Uma lente, aumenta o tesão
Quero mais você quase gozo
Nessa fenda que nunca fica
Em total repouso, sempre quer
Ser tocada ou sorvida, ela é viva
Tem também desejo e vontade
Ela é mágica e sagrada, bem usada
Por isso usa uma renda transparente
Para ser sempre adorada e penetrada

Almeida Lucius™
01/02/2011

4 comentários:

ღPat.ღ disse...

Melada homenagem... delícia!

beijos aos dois.

LadySiri disse...

Que linda homenagem! Amei esse poema. Ficou lindo. Beijo gostoso.

Malu disse...

que delícia...

Lou Albergaria disse...
Este comentário foi removido pelo autor.

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails

Visitante - Visitor - Vizitator - Visiteur