LEIAM AS LETRAS BRANCAS E VERMELHAS JUNTAS ,DEPOIS SÓ AS VERMELHAS


READ WHITE AND RED LETTERS TOGETHER , THEN ONLY THE RED

Seguidores

New Translator....

segunda-feira, 22 de novembro de 2010

Devassa com Mel

Devassa com Mel

Honesta até tímida
Hormônio fica, aquecida
Pode ser moça de família
Há, mas nunca santa
Transborda sensualidade
Tem Dupla Personalidade
Pois vira fêmea caçadora
Mulher arde e queima
O corpo dessa mulher
Que é linda tem no fundo
Uma brasa que brota
Entre coxas e derrete
E a delicia do seu Mel
Neste momento se toca
Senti a vulva úmida
E se abre, os próprios
Dedos
Com gemidos e gozo
É safada e muito gostosa
Se bem chupada
Mexe como putinha
Na boca do homem
Agora ela é vadia
Pois deixa que um pau
Duro, como queria
Entre no rabinho
Que pisca com muito tesão
Almeida Lucius™
22/11/2010

7 comentários:

LadySiri disse...

Linkei vc lá na minha sala ok?
Bjs

Mara disse...

Hello ! I'm happy to be here, with you...with this wonderful images...I kiss you !!!!

Afrodite disse...

Uma delícia de poema!
E com fotos que nos enche de vontades...
Beijo!

Mel dupla personalidade disse...

Vc sabe mesmo como deixar uma mulher de pernas bambas né?????
AMEI!
Lindo demais meu poeta preferido.
Delicioso, assim como a química que une nossas escritas e desejos.
Obrigada.
Sou musa novamente kkkkkk.
Bjs doces como mel em ti!

Afrodite disse...

Oi amigo,
Passa lá no Confissões e pega o seu selo de natal!
Presentinho pra quem eu linkei!
Não precisa repassar!
É só pegar e colar,tá?
Um beijão!

Janaina Cruz disse...

Um belíssimo poema, que não teme inquisições, assim como a mulher verdadeira, pós-moderna, que realiza pactos consigo mesma, sem temores e com ganhos particulares.
A fêmea que apurar olhares, gestos, ações, que não teme paradeiros e sabe o significado de suas intenções.

LadySiri disse...

Gostei do:
"Se bem chupada
Mexe como putinha
Na boca do homem
Agora ela é vadia"

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails

Visitante - Visitor - Vizitator - Visiteur